Etiqueta: sissinghurst blue

Dedaleira, Digitalis purpurea
Dedaleira, Digitalis purpurea.

Plantei seis pés de Abóbora’Red kuri’, ainda não tinha acabado o dia e três já estavam todos atabalhoados pelos gatos. Voltei a plantá-los e coloquei uma rede. No dia seguinte, de três nada sobrou graças aos caracóis.
Transplantei para vasos maiores todas as alfazemas (qua agora não sei quais são) e alecrins ‘Sissinghurst blue’. Também uma Fucshia que agora não sei o nome (terei de perguntar ao amigo de onde veio o corte) e uma Chimonanthus praecox, tudo reprodução própria.
Entretanto as dedaleiras “espontâneas” estão o máximo.

Quintal
Os dois vasos com os Rosmarinus officinalis ‘Sissinghurst blue’. O círculo cinzento é a tampa do buraco onde queimo coisas, o “firepit”.

Comecei a plantar os bolbos e reparei que toda a tarde só pensei na Primavera, em vê-los a despontar e depois a florir. E é algo de bom na jardinagem, há um contínuo, há o tempo, também uma aprendizagem, há o trabalho do dia, mas o que o jardineiro está sempre a planear e espera ansiosamente, é o futuro.
Ao lado da porta da garagem e em frente plantei 80 Hyacinthus ‘City of Haarlem’. No canteiro estreito em frente à porta lateral, 11 Eremurus ‘Cleopatra’. Neste canteiro vou remover dois Gerânios-da-Madeira, porque não só nascem em todo o lado, como estes atrapalham bastante ao sair do carro, principalmente se chover. Mas é pena porque estão super-bonitos — ainda vou ensaiar um transplante. Também desse canteiro quero transplantar a Rudbeckia nitida ‘Herbstsonne’.
Por fim, limpei tudo que ficou sujo da fogueira de ontem e transplantei para vasos grandes dois Rosmarinus officinalis ‘Sissinghurst blue’.

Jardim do Lago.

No canteiro 3 plantei a Couve-da-Póvoa e a Couve-coração. Do que comprei no Flor do Norte, só me falta plantar a Tibouchina ‘Peace baby’. Recolhi sementes de Alho-francês. Cortei para tentar reproduzir Rosmarinus officinalis ‘Sissinghurst blue’ e Limonete, Aloysia citriodora. Deste último também cortei uma série de folhas para secar. Colhi mais uma caixa de framboesas ‘Polka’.
Tratei (finalmente) das ligações para a rega automática no terraço, mas ainda preciso de comprar mais material.
Mais um fim de tarde mesmo bom.

Plantei mais 24 Narcisos ‘Minnow’ junto ao Cercidiphylum. Debaixo do Ácer ‘Sango-kaku’, sete ‘Red devon’. Entre arrancar imensas ervas, ainda transplantei três Rosmarinus officinalis ‘Capri’ e quatro Rosmarinus officinalis ‘Sissinghurst Blue’ para pequenos vasos individuais. São uma tentativa de os reproduzir antes que perca estas variedades — só tenho um de cada em vaso e já a decair.

Têm nascido várias plantas espontaneamente que é uma coisa que eu gosto, porque de alguma forma é sucesso com pouco trabalho, onde por vezes não se consegue sucesso nenhum. Transplantei para vasos algumas Chagas, Tropaeolum majus L. e também algumas Euphorbia lathyris (que não parecem muito felizes neste momento).
Os gatos partiram duas hastes do Manjericão ‘Pluto’ que ganharam raízes em pequenos copos. Coloquei-os em vaso e também não parecem muito felizes. De um ramo que partiu do único Rosmarinus officinalis ‘Sissinghurst Blue’ tentei propagar e de oito, secou agora o último. Vou tentar outra vez numa mistura quase integralmente perlite.